Kawasaki Ninja H2 Carbon – Lançamento e Venda no Brasil



  

Modelo já pode ser encomendado por R$ 164 mil.

A moto esportiva Kawasaki Ninja H2 Carbon já chegou ao País e os interessados já podem encomendar o seu modelo por R$ 164 mil. Apresentada no Salão de Colônia, que está localizado na Alemanha, no ano passado, a marca japonesa utiliza como base a linha H2, que tem o preço estimado em cerca de R$ 152 mil. Entre as principais novidades destacam-se a presença da fibra de carbono na parte superior, o chassi verde e a pintura prata, que realça o modelo esportivo. Além disso, a Kawasaki Ninja conta com o emblema histórico da marca, que está localizado na parte da frente, que é conhecido como “river mark”.

A mecânica se manteve, ou seja, continua sendo o motor de 998 cc, que utiliza compressor e pode chegar a 200 cavalos de potência, mas podendo alcançar até 210 cavalos com o sistema raim ar. Outra novidade é que a moto esportiva ganhou um sistema eletrônico que conta com 06 modos de comportamento e, assim, permite que tenham alterações no funcionamento do controle de tração e também dos freios ABS. Entretanto, serão produzidas apenas 120 unidades da nova Kawasaki Ninja H2 Carbon.

Outra novidade apresentada pela marca foi o novo modelo da versão Ninja 650, que conta com um design inovador e irreverente. A versão tem motor de 69 cavalo de potência, representando 6,8% mais economia que o último modelo, de acordo com a marca. Além disso, a moto está cerca de 19 kg mais leve. Entre outros destaques, a moto conta com o chassi que é feito em treliça e a balança em alumínio.





A Kawasaki apresentou na Intermot, realizada em 2016, o modelo Ninja ZX-10 RR, que é considerado a edição especial do modelo esportivo ZX-10R. A nova versão acompanha um kit de corrida, que é ideal para os amantes de velocidade, e torna a moto mais leve e segura para o piloto. Além disso, o modelo esportivo conta com rodas de alumínio (que têm 07 polegadas e são calçadas com pneus Pirelli), além de novos ajustes que foram feitos na suspensão, na tração e nos freios. As vendas estão previstas para serem iniciadas em fevereiro deste ano, porém, apenas 1000 unidades serão produzidas pela marca japonesa.

Por Babi



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *