Ducati mais barata – Ducati Diavel 1260 S 2023


Ducati Diavel tem preço próximo ao de uma Honda CB 1000R

A mais recente estreia automotiva é a Ducati Diavel 1260 S que está sendo comercializada em nosso país na faixa de 130.000 reais, produzida em versão única. Esta é a segunda geração deste bom veículo de duas rodas, cujo desempenho une traços de distintos segmentos, desde um estilo custom a uma eficiente pilotagem, bem próxima de uma naked.


A série foi bem atualizada, ganhando novo design. Agora, esta super motocicleta também evoluiu em termos de mecânica e propulsão, equipada de motor V2, o qual foi atualizado de 1.198,4 CC em cilindradas para 1.262 CC, que está presente em muitas outras produções da marca.


Em nota, a fabricante explicou que esse processo de renovação da motorização tornou o veículo muito mais potente, eficiente, em baixa e média rotações, entregando uma linearidade de torque entre os 3.500 e 6.500 RPM. Além disso tudo, a propulsão está suplementada de novos mapas da potência e de comando das válvulas variáveis.


Embora esteja repleto de excelentes mudanças, ainda assim, os especialistas explicam que a moto regrediu na potência e no torque quando se compara esse lançamento com a mais clássica Diavel. O propulsor está entregando 159 HP para 9.500 RPM e mais torque de 13,1 kgfm para 7.500 RPM, um pouco abaixo do rendimento anterior, de 162 HP e torque de 13,3 kgfm.


Portanto, mesmo bem aparelhada com um bom motor, este visual não garante maior poder de propulsão. O que, de fato, consiste em efetiva evolução são os itens que compõem a área de funcionamento ciclístico, incluindo o novo chassi. A única versão, top de linha, “S” comercializada em território brasileiro, está recheada de novo pacote de acessórios e equipamentos. O refino é este:

Novo tipo de suspensão, nas duas rodas, ajustáveis; as pinças radiais Brembo M50; as rodas em alumínio forjado; o quick-shifter para variação das marchas, direcionada para cima e para baixo, desprovida de embreagem; função DRL de luz diurna e o novo estofamento.

Junto das recentes configurações está o chamado “ângulo de cáster”, ou seja, o ângulo que se forma entre a força de inclinação das suspensões frontais e o chão. A nova linha também apresentou um recuo de 28 para 27 graus. Outra estrutura alterada foi a distância entre eixos, agora 40 milímetros maior, atingindo 1.600 milímetros.

A companhia também anunciou que todas as mudanças efetuadas garantem muito mais eficiência e rapidez às unidades vendidas. Apesar de estar estruturada em ampla dimensão, esta motocicleta é muito popular, também, por ser muito ágil nas cursas de estradas e ruas urbanas.

O novo pacote eletrônico está mais avançado, pois, para dar suporte aos seus 159 HP de força, a Diavel 1260 S está munida de outro amplo pacote contendo mais dispositivos eletrônicos, bem atualizados pelos engenheiros da multinacional italiana:

A lista é breve, mas, consistente, incluindo sistema de freios ABS (EVO) incluindo a atuação perfeita nas curvas, a partir de seis eixos inerciais; recurso de controle para tração, marca EVO; o sistema de controle para efetuar as mais audaciosas empinadas; o comando de assistente para as arrancadas; o sistema para controle automático da velocidade e o dispositivo de modalidades de pilotagem.

Vale a pena conferir as fotos, onde percebemos uma série de outros detalhes no design, como a cor dourada do garfo dianteiro.



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.