Motos elétricas LLMotors 2022-2023 – Odin, Baldur, TY


Conheça as motos elétricas da LLMotors

A LLMotors, startup brasileira com sede na cidade de Santa Inês, no estado do Maranhão, traz para o mercado brasileiro de motos elétricas, três novos modelos: Odin, Baldur e TY. O mercado brasileiro de motos elétricas tem registrado bons números nos últimos meses, acompanhando a tendência de crescimento do segmento, verificada em outras partes do mundo, dado às iniciativas de reduzir a emissão de gases poluentes na atmosfera.


A startup LLMotors, criada em 2019, integra o grupo LLSOLAR, presente desde 2017 no mercado de energia solar e uma das pioneiras desse ramo no estado do Maranhão. Tanto a LLMotors quanto os modelos de motos elétricas da startup que irão compor o compor o catálogo inicial da marca serão lançados no mês de julho. As pré-vendas, porém, iniciam antes, em junho. Cristiano Lanucio, CEO da LLMotors, diz que, em julho, duas motos serão entregues para os vencedores da campanha de lançamento da marca, que terá início neste mês de maio.


A seguir, apresentaremos mais detalhes sobre a Odin, Baldur e TY, os modelos de motos elétricas a serem lançados pela LLMotors.


Odin

Para começar, apresentamos a Odin, que chegará ao mercado nacional em duas versões: a Lite e a 2.0. O modelo já está homologado, segundo a LLMotors. A versão denominada Lite, da Odin, terá motor de 4.000 W, bateria de 72V e 50Ah, velocidade máxima de 90 km/h, pneu traseiro de medidas 140/70-17 e autonomia de até 150 km. Segundo a LLMotors, a Odin Lite terá valores a partir de R$ 25.000,00.


A outra versão da Odin, chamada de Odin 2.0, será um pouco mais potente, pois terá motor de 6.000 W, bateria de 72V e 100Ah, pneu traseiro de medidas 180/55-17, velocidade máxima de 100 km/h e até 210 km de autonomia. Os valores iniciais da Odin 2.0 deverão ser de R$ de R$ 34.000,00.

Em comum, ambas as versões contarão com painel digital em LCD, suspensão invertida na dianteira, rodas de 17″, duplo disco de freio na dianteira, marcha à ré, monoshock na traseira e três modos de potência. Com relação às cores, a Odin estará disponível em branco, vermelho, preto e azul.


Baldur

Outro modelo também já homologado pela LLMotors é a Baldur, que também deverá ter duas versões. Começamos com a Baldur 1.0s, modelo com motor de 2.000 W, bateria de lítio de 20Ah, velocidade máxima de 60 km/h e autonomia de 50 km. Modelo mais básico, a Baldur 1.0s estará disponível para compra a partir de R$ 14.000,00.

A Baldur 2.0, por sua vez, tem motor de 3.000 W, bateria de lítio de 30Ah, velocidade máxima de 70 km/h e autonomia de até 70 km. A princípio, a versão também custará R$ 14.000,00.

Uma segunda bateria estará a disposição dos clientes, o que pode aumentar a autonomia de ambas as versões.

TY

Por fim, apresentamos a TY, modelo em fase final para ser homologado. Disponível também em duas versões, destacamos primeiro a TY Lite, cujo motor será de 3.000 W, bateria de 72V e 35Ah, velocidade máxima de mais de 60 km/h e autonomia de cerca de 65 km.

A TY Force, outra versão de modelo, terá motor igual ao da Lite, e mesma velocidade máxima. A bateria, porém, será diferente, e contará com 72 voltz, além de 50 Ah. A autonomia da versão também sobe, e alcança os 100 km. Bons números para um modelo considerado intermediário.

Assim como a Baldur, a TY poderá ser equipada com duas baterias, porém, a segunda bateria deverá ser adquirida separadamente pelo cliente. A TY, em ambas as versões, estará disponível nas cores vermelho, branco, azul e preto.

A princípio, a TY será vendida por valores a partir de R$ 15.700,00.

A LLMotors informa que, em parceria com a Dayi Motor, um dos mais importantes fabricantes com atuação na Europa, prepara um conjunto de baterias de lítio com especificações próprias para os modelos a serem vendidos no Brasil. Além disso, em breve a startup deverá ter cabines próprias para a troca de baterias de suas motos elétricas.


Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.